Gato-maracajá E-mail

Gato-maracajá

Nome científico: Leopardus wiedii

 

Outras denominações: gato-do-mato

 

Pertence à classe Mamalia, ordem Carnívora, família Felidae, sub-família Felinae.

 

Tamanho: Possui comprimento de cabeça e corpo de 53,6 cm e cauda longa, em geral maior que a metade do comprimento do corpo, com 37,6 cm em média.

 

Peso: O peso é de aproximadamente 3,3 kg 

 

Expectativa de vida: 13 anos

 

Características: Caracteriza-se por apresentar olhos grandes e protuberantes, focinho saliente e patas grandes. A coloração pode variar entre amarelo-acinzentado e castanho. Possuem manchas com padrão variado, de pintas sólidas a bandas longitudinais, e as rosetas são largas, completas e bem espaçadas nas laterais. O padrão de manchas, as proporções corporais e os pêlos da nuca voltados para frente. É uma espécie extremamente adaptado à vida arbórea, sendo assim considerado um animal escansorial. As articulações em seus membros traseiros possuem grande flexibilidade, permitindo a espécie uma rotação de até 180 graus, o que facilita a escalada em árvores.

 

Distribuição geográfica: Ocorre das planícies costeiras do México até o norte do Uruguai e Argentina, e em todo o Brasil até o norte do estado do Rio Grande do Sul.

 

Habitat: Amazônia, Cerrado, Caatinga, Pantanal, Mata Atlântica e Campos Sulinos, vivendo a, no máximo, 900 m de altitude e predominantemente em florestas, inclusive nas matas de galeria do cerrado. Em geral, é encontrado em locais não perturbados pela presença humana.

Alimentação: Carnívora (alimentam-se comumente de pequenos mamíferos (terrestres e/ou arbóreos), aves e eventualmente répteis e mamíferos de médio porte.

 

Reprodução: A fêmea entra em cio por volta de 6 a 10 meses, têm ciclo estral de 32 a 36 dias, com 4 a 10 dias de estro. Geralmente nasce apenas um filhote, raramente ocorrem gêmeos. O período de gestação é de aproximadamente 83 dias. 

 
, Powered by Joomla!; Joomla templates by SG web hosting